Bicos artificiais e chupetas
  Data: 27/03/2006



bicos artificiais alteram os padrões de respiração e sucção do bebê (expiração prolongada, freqüência respiratória e saturação de oxigênio reduzidos)
" cáries de alimentação em crianças são mais comuns com o uso de mamadeiras e chupetas
" má oclusão dental é mais comum em crianças alimentadas com mamadeira sendo maior o efeito com o uso prolongado (risco 1,8 vezes maior)
" As mamadeiras, as chupetas e o hábito de chupar o dedo também levam a alterações das arcadas dentárias provocando mordidas cruzadas, mordidas abertas, alterando todo um padrão genético de crescimento e desenvolvimento
" maior incidência de otite média aguda e recorrente, tanto com o uso de mamadeiras quanto de chupetas
" possível aumento na incidência de candidíase oral e de parasitoses intestinais
" uso de materiais potencialmente carcinogênicos (N-nitrosaminas)
" possibilidade de sufocação da criança
" As conseqüências mais comuns da respiração bucal são: as amigdalites, rinites, sinusites provocadas por agressão do ar não filtrado, aquecido e umedecido e as mordidas abertas anteriores devido à interposição da língua na hora da deglutição
Desta forma, o melhor é mesmo amamentar até 2 anos ou mais. Caso se perca a amamentação orientamos as alternativas abaixo:

* Alternativas aos bicos artificiais e mamadeiras:

" Xícara ou copinho
" Colher
" conta-gotas

Estas últimas alternativas não geram problemas ortodônticos e não atrapalham a amamentação. Para maiores detalhes, sugerimos consultar nosso site: www.sbp.com.br na área reservada ao departamento científico de aleitamento materno em atualizações.
Fonte: Sociedade Brasileira de Pediatria - www.spb.com.br




voltar